Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Começa hoje a 15ª Plenária Estadual da CUT-RS

Encontro terá as presenças do senador Paim e de Gilberto Carvalho

Escrito por: CUT-RS • Publicado em: 14/07/2017 - 12:47 Escrito por: CUT-RS Publicado em: 14/07/2017 - 12:47

Imagem: CUT-RS

Com as presenças do senador Paulo Paim (PT-RS) e do ex-ministro dos governos Lula e Dilma, Gilberto Carvalho, a 15ª Plenária Estadual/Congresso Extraordinário da CUT-RS será aberta nesta sexta-feira (14), às 18h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no centro de Porto Alegre.

São esperados cerca de 300 participantes de todo o Estado, entre delegados e observadores das entidades filiadas. A solenidade de abertura também poderá ser assistida por dirigentes sindicais e representantes de movimentos sociais e entidades parceiras. O encerramento está previsto para as 16h30 deste sábado (15).

O tema escolhido pela CUT é “100 anos depois… A luta continua. Nenhum direito a menos!”, recordando o centenário da primeira greve geral no Brasil e da Revolução Russa, em 1917.

“Vamos fazer grandes debates na perspectiva de apontar novos caminhos para fortalecer a resistência nestes tempos de golpe, buscando transformar a indignação em atitude para barrar as reformas, defender os direitos da classe trabalhadora e restabelecer a democracia”, afirma o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo.

“A 15ª Plenária Estadual também reservará um momento especial para denunciar a perseguição ao ex-presidente Lula, que hoje representa a esperança de um futuro com dignidade para os pobres do Brasil”, antecipa Claudir.

Solenidade e mesa de abertura

A abertura da 15ª Plenária Estadual contará com a presença de Paim, que esteve “no olho do furacão” nesta semana, durante a votação do famigerado projeto da chamada reforma trabalhista, já sancionado sem vetos pelo golpista Temer (PMDB). Ele foi contra, enquanto os outros dois senadores gaúchos Ana Amélia (PP) e Lasier Martins (PSD) votaram a favor, rasgando a CLT e os direitos trabalhistas.

Haverá também uma saudação do presidente da CUT-RS, da representante da Frente Brasil Popular no RS, Suélem Gonçalves, e do deputado estadual Adão Villaverde (PT), representando a Presidência da Assembleia.

Na sequência será realizada a mesa de abertura, com a participação de Gilberto Carvalho, ex-ministro-chefe da Secretaria-geral da Presidência no governo Dilma e chefe de gabinete da Presidência no governo Lula. Também participarão a secretária nacional de Formação da CUT, Rosane Bertotti, e o doutor em Economia pela USP e professor da UFRGS, Pedro Fonseca.

Os trabalhos continuarão na manhã e na tarde deste sábado com mesas de debates e deliberações, e serão concluídos com a eleição dos delegados e das delegadas que participarão da 15ª Plenária Nacional/Congresso Extraordinário e Exclusivo Nacional da CUT, que ocorrerá nos dias 29, 30 e 31 de agosto, em São Paulo.

A coordenação da 15ª Plenária Estadual/Congresso Extraordinário é formada pelos dirigentes da CUT-RS Amarildo Cenci, Vitalina Gonçalves, Paulo Farias, Dary Beck Filho e Marcelo Carlini.

PROGRAMAÇÃO

14/07 – SEXTA-FEIRA

16h – Abertura do credenciamento

18h – Solenidade de abertura com a participação do senador Paulo Paim do PT-RS

19h – Mesa: A Classe Trabalhadora em um Contexto de Golpe e de Ataque aos Direitos

Gilberto Carvalho, ex ministro-chefe da Secretaria-geral da Presidência no Governo Dilma e chefe de gabinete da Presidência no Governo Lula

Pedro Fonseca, doutor em Economia pela USP e professor da UFRGS

Rosane Bertotti, secretária nacional de Formação da CUT

15/07 – SÁBADO

8h30 – Mesa: O combate às reformas de Temer, Sartori e seus aliados

Helenir Aguiar Schürer, presidente do CPERS Sindicato

Paulo Pimenta, deputado federal do PT-RS

10h – Mesa: Diretrizes do projeto político e organizativo da CUT

Claudir Nespolo, presidente da CUT-RS

Dari Krein, professor do Instituto de Economia da Unicamp e pesquisador do Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (CESIT) da Unicamp

Plenária e votações

10h – Encerramento do Credenciamento

14h – Mesa: Os desafios da CUT e Plano de Lutas

Quintino Severo, secretário nacional de Finanças da CUT

Plenária e votações

16h – Eleição dos delegados e delegadas para a 15ª Plenária Nacional/Congresso Extraordinário e Exclusivo da CUT

16h30 – Encerramento

 

Título: Começa hoje a 15ª Plenária Estadual da CUT-RS, Conteúdo: Com as presenças do senador Paulo Paim (PT-RS) e do ex-ministro dos governos Lula e Dilma, Gilberto Carvalho, a 15ª Plenária Estadual/Congresso Extraordinário da CUT-RS será aberta nesta sexta-feira (14), às 18h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no centro de Porto Alegre. São esperados cerca de 300 participantes de todo o Estado, entre delegados e observadores das entidades filiadas. A solenidade de abertura também poderá ser assistida por dirigentes sindicais e representantes de movimentos sociais e entidades parceiras. O encerramento está previsto para as 16h30 deste sábado (15). O tema escolhido pela CUT é “100 anos depois… A luta continua. Nenhum direito a menos!”, recordando o centenário da primeira greve geral no Brasil e da Revolução Russa, em 1917. “Vamos fazer grandes debates na perspectiva de apontar novos caminhos para fortalecer a resistência nestes tempos de golpe, buscando transformar a indignação em atitude para barrar as reformas, defender os direitos da classe trabalhadora e restabelecer a democracia”, afirma o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo. “A 15ª Plenária Estadual também reservará um momento especial para denunciar a perseguição ao ex-presidente Lula, que hoje representa a esperança de um futuro com dignidade para os pobres do Brasil”, antecipa Claudir. Solenidade e mesa de abertura A abertura da 15ª Plenária Estadual contará com a presença de Paim, que esteve “no olho do furacão” nesta semana, durante a votação do famigerado projeto da chamada reforma trabalhista, já sancionado sem vetos pelo golpista Temer (PMDB). Ele foi contra, enquanto os outros dois senadores gaúchos Ana Amélia (PP) e Lasier Martins (PSD) votaram a favor, rasgando a CLT e os direitos trabalhistas. Haverá também uma saudação do presidente da CUT-RS, da representante da Frente Brasil Popular no RS, Suélem Gonçalves, e do deputado estadual Adão Villaverde (PT), representando a Presidência da Assembleia. Na sequência será realizada a mesa de abertura, com a participação de Gilberto Carvalho, ex-ministro-chefe da Secretaria-geral da Presidência no governo Dilma e chefe de gabinete da Presidência no governo Lula. Também participarão a secretária nacional de Formação da CUT, Rosane Bertotti, e o doutor em Economia pela USP e professor da UFRGS, Pedro Fonseca. Os trabalhos continuarão na manhã e na tarde deste sábado com mesas de debates e deliberações, e serão concluídos com a eleição dos delegados e das delegadas que participarão da 15ª Plenária Nacional/Congresso Extraordinário e Exclusivo Nacional da CUT, que ocorrerá nos dias 29, 30 e 31 de agosto, em São Paulo. A coordenação da 15ª Plenária Estadual/Congresso Extraordinário é formada pelos dirigentes da CUT-RS Amarildo Cenci, Vitalina Gonçalves, Paulo Farias, Dary Beck Filho e Marcelo Carlini. PROGRAMAÇÃO 14/07 – SEXTA-FEIRA 16h – Abertura do credenciamento 18h – Solenidade de abertura com a participação do senador Paulo Paim do PT-RS 19h – Mesa: A Classe Trabalhadora em um Contexto de Golpe e de Ataque aos Direitos Gilberto Carvalho, ex ministro-chefe da Secretaria-geral da Presidência no Governo Dilma e chefe de gabinete da Presidência no Governo Lula Pedro Fonseca, doutor em Economia pela USP e professor da UFRGS Rosane Bertotti, secretária nacional de Formação da CUT 15/07 – SÁBADO 8h30 – Mesa: O combate às reformas de Temer, Sartori e seus aliados Helenir Aguiar Schürer, presidente do CPERS Sindicato Paulo Pimenta, deputado federal do PT-RS 10h – Mesa: Diretrizes do projeto político e organizativo da CUT Claudir Nespolo, presidente da CUT-RS Dari Krein, professor do Instituto de Economia da Unicamp e pesquisador do Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (CESIT) da Unicamp Plenária e votações 10h – Encerramento do Credenciamento 14h – Mesa: Os desafios da CUT e Plano de Lutas Quintino Severo, secretário nacional de Finanças da CUT Plenária e votações 16h – Eleição dos delegados e delegadas para a 15ª Plenária Nacional/Congresso Extraordinário e Exclusivo da CUT 16h30 – Encerramento  



Informa CUT

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.