Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Políticas Sociais e Direitos Humanos

Expedito Solaney

Gestão: 2012 - 2015

Estado: Pernambuco

Categoria: Bancário

Expedito Solaney Pereira de Magalhães é Secretario Nacional de Políticas Sociais da Central Única dos Trabalhadores. Sua militância sindical começou, em 1988, no MOB – Movimento de Oposição Bancária de Pernambuco, na vitoriosa eleição para a direção do Sindicato dos Bancários de Pernambuco.

Em 1991, através da convenção cutista participa do processo eleitoral e assume a direção regional de base do sindicato. Entre 1994 e 1997, Expedido Solaney assumiu a direção executiva da CUT- PE, na condição de primeiro tesoureiro. Em 2001, formou-se Cientista Social pela Universidade Federal de Pernambuco.

Na Secretaria de Políticas Sociais da CUT, conforme as atribuições estatutárias, Expedido Solaney assumirá as seguintes tarefas: a) elaborar e coordenar a implantação de políticas sociais da CUT, abarcando os setores de educação, saúde e previdência, habitação e solo urbano, alimentação, meio ambiente e ecologia, comunicação, transportes, direitos da criança e do adolescente, direitos humanos e movimentos sociais; b) coordenar a execução das políticas sociais da CUT; c) estabelecer e coordenar a relação da CUT com as organizações e entidades da sociedade civil, dentro dos princípios definidos neste Estatuto; d) promover intercâmbio e estabelecer convênios com entidades sindicais e institutos especializados, para desenvolvimento das políticas sociais da CUT, no âmbito nacional e, no âmbito internacional, através da Secretaria de Relações Internacionais; e) coordenar e orientar as secretarias de Políticas Sociais da CUT e das Confederações e Federações nacionais.

Atribuições

XVIII - Compete ao/à secretario/a de políticas sociais: 

a) elaborar e coordenar a implantação de políticas sociais da CUT, abarcando os setores de educação, criança e adolescente, habitação e solo urbano, alimentação, transportes, direitos humanos e movimentos sociais; 

b) coordenar a execução das políticas sociais da CUT, em consonância com as demais secretarias e projeto político-sindical da CUT; 

c) estabelecer e coordenar a relação da CUT com as organizações e entidades da sociedade civil, dentro dos princípios definidos neste Estatuto; 

d) promover intercâmbio e estabelecer convênios com entidades sindicais e institutos especializados, para desenvolvimento das políticas sociais da CUT, no âmbito nacional e, no âmbito internacional, através da Secretaria de Relações Internacionais; 

e) coordenar e orientar as secretarias de Políticas Sociais da CUT e das Confederações e Federações nacionais; 




Informa CUT

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.